Como saber a hora certa de colocar o idoso em uma casa de repouso?

É muito difícil responder a essa pergunta. Principalmente os filhos que se deparam em algum período da vida de seus pais que já não é possível mais deixá-los sozinhos e não há ninguém que fique com eles. É muito variável está questão e vai depender de uma série de fatores.

Questões como a saúde do idoso, condição financeira da família, relação com o familiar dentre outros fatores. Independente da relação que o familiar tenha com o idoso, a saúde está sempre em primeiro lugar. E as melhores condições e cuidados são em uma casa de repouso que oferece com ambiente seguro, profissionais atentos ao idoso, e os cuidados necessários.

Diferentes culturas

O que muitas famílias brasileiras precisam compreender que colocar o idoso em uma casa de repouso não significa que os familiares não querem cuidar. Essa diferença na cultura em entender que não é fácil cuidar de um idoso e dependendo de seu estado de saúde, ficar em casa pode somente agravar uma doença.

Por vezes, o idoso tem até uma rotina bem diferente da família. E fica difícil chegar a um acordo. Colocá-lo em uma casa de repouso não quer dizer um abandono, em muitos casos há idosos praticamente abandonados dentro de casa.

Mas é preciso sempre atentar em como o idoso se sente. As visitas regulares dependendo da clínica também são importantes e se constituem em uma forma de demonstração de amor.

download (2)

É preciso entrar em um acordo entre a própria família

O melhor para todos

A melhor escolha será aquela que é boa para o idoso, família e todos os envolvidos. Claro que nem sempre isso é possível. Em casos de dúvidas pode-se também consultar e fazer uma orientação gerontológica. Este profissional a partir de perguntas e entrevistas sobre o idoso e sua rotina com a família pode conseguir conciliar o que de melhor pode ser feito.

Existe também uma resistência dos próprios filhos em colocar os seus pais em uma casa de repouso. Eles se sentem inferiores se fossem deixá-los neste ambiente, e isso se deve a própria cultura que lhe foi imposta e ainda é de que os filhos tem que cuidar dos pais. Até aí tudo bem.

É necessário dar todo o amparo físico e psicológico. Mas filhos que decidem cuidar seus pais em casa acabam muitas vezes sofrendo em dobro, tentando se multiplicar e, por vezes, até piorando a saúde do idoso como já adiantado anteriormente.

A melhor hora

Talvez ela nunca chegue. Haverá sempre desculpas, medo e culpa. Idosos que tem uma saúde delicada e necessitam de serviços especializados e uma equipe de profissionais a disposição, deveriam estar em uma casa de repouso.

Quando o idoso começar a apresentar problemas de saúde, ou se esquecer de coisas, ou até mesmo colocar em risco a sua vida e o ambiente em que vive, pode-se contratar um cuidador para ele ficar atento a estas questões. Quando também a família não consegue entrar num ritmo e se entender com idoso, ou até mesmo pelo fato de ele ser isolado e ter outros problemas, colocar ele numa casa de repouso vai até melhorar a relação da família.

Então, tudo é variável. É preciso fazer testes. Há idosos que não se adaptam a uma casa de repouso e convém levar para casa e contratar profissionais. Escute profissionais da área, o que eles têm a dizer. Nem sempre o que achamos ser melhor pra nós, de fato é.

Relacionados

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *